Acne na adolescência - por Ana Cris Meirelles.

Quem tem filhos adolescentes sabe o que uma simples espinha pode causar. A autoimagem nesta fase da vida preocupa muitos os jovens, além dos pais e familiares. É importante saber que alguns cuidados e tratamentos, as vezes simples, podem ajudar os adolescentes a lidar com essas dificuldades. 
A acne afeta todos os aspectos da vida do jovem podendo interferir no convívio social, causar depressão, ansiedade, constrangimento e inibição.
O ideal é fazer um acompanhamento com vários profissionais: esteticista, dermatologista, nutricionista e até psicólogo, para melhorar a qualidade de vida e mudar seus hábitos para que os resultados sejam positivos, trazendo satisfação para todos.
Ter a pele lisa, livre de manchas e cicatrizes, é o que todos desejam, mas nem sempre é assim. Fatores genéticos hormonais, a proliferação da bactéria Propionibacterium Acnes, respostas inflamatórias e imunológicas do indivíduo, o uso de medicamentos como por exemplo os anticoncepcionais, o tipo de alimentação e uso de cosméticos sçao fatores que contribuem para o seu aparecimento. Alguns estudos dizem que o estresse também é um elemento desencadeador da acne, pois libera o cortisol (hormônio do estresse), que atua no estímulo da glândula sebácea e produção de oleosidade. Além disto, o estado emocional desregulado, altera o processo de equilíbrio do corpo, impedindo o controle de bactérias em processo já instalados, prejudicando a recuperação de processo inflamatório.
A adolescência é uma fase de transformação e transição, o sistema endócrino evidência isto de uma forma muito expressiva. E junto com estas alterações sistêmicas que podem ser agravadas através da alimentação e do uso de cosméticos inadequados, vêm alterações inestéticas. É dever do profissional oferecer o tratamento integrado para o paciente.
O tratamento para peles acneicas deve ser o menos invasivo e agressivo possível no público teen. Depende muito também do grau de alteração e acometimento da pele e das possíveis causas e consequências dessas alterações. Exige muito comprometimento do paciente. Os cosméticos devem possuir ativos de alto padrão de qualidade, sem enxofre na composição, de ação anti-inflamatória, adstringente, remineralizante, bactericida, cicatrizante e reestruturante. São indicados aminoácidos nanoencapsulados que garantem a reestruturação da pele, ação antianging além de minimizar as sequelas da acne.
Em tempos de acesso às mais diversas informações pela internet, precisamos redobrar os cuidados com o tratamento correto. Toda essa facilidade de acesso à informação pode ser muito boa, mas também podem aparecer informações totalmente falsas e perigosas. É claro que o excesso de informação, não necessariamente correta, e a sua facilidade de acesso, põe em risco os jovens que buscam maneiras caseiras ou baratas de realizarem tratamentos estéticos. É fundamental orientar sempre sobre dúvidas e curiosidades em uma conversa aberta, ética e profissional.

Drª Ana Cristina Meirelles de Moura e Castro
Fisioterapeuta Credito: 28965F
Contato: anacrismeirelles@yahoo.com.br


Cel: (11) 996309494

Comentários

Postagens mais visitadas