Um amigo muito especial!


A vida é cheia de momentos únicos e inesquecíveis, mas sem dúvida escolher um cachorrinho traz uma energia boa e uma felicidade sem fim. Ao sair de casa com esse propósito ficamos ansiosos e cheios de expectativas, pois comprar ou adotar um animal de estimação é um ato de amor e muita responsabilidade.
 Inicialmente a alegria fica por conta da fofura que os filhotes representam, pois eles mexem conosco, faz parte do nosso extinto querer dar carinho, segurar no colo, apertar, beijar, abraçar e começar a falar igual criança, é muito engraçado! Os filhotes são encantadores e demonstram fragilidade. Em seguida após ter a certeza de que é isso o que queremos  levamos o pequeno para casa e na mesma noite ele já começa a dar trabalho porque chora, nesse momento tentamos ser firmes e ensinar que o lugar da pequena bolinha de pelos é em sua caminha, a água já está colocada no devido lugar e a ração também. Após algumas horas o choro fica insistente e pronto, lá estamos nós pegando no colo e falando igual criança de novo, em seguida  ele vai para o meio da cama e de repente... tudo fica quietinho e o cachorrinho se enrola no cobertor, o silêncio toma conta da casa e na verdade acabamos cedendo , mas só por essa noite, até parece!
Os cachorros são assim, completamente cativantes. Eles são capazes de mudar a rotina e nos divertir o tempo todo e em troca eles só querem um pouquinho de atenção e carinho, basta chegarmos em casa após um dia longo de trabalho para perceber o quanto somos amados por eles, na maioria das vezes já estão nos esperando atrás da porta.
Independente da raça o cachorro é o espelho do dono e se dermos carinho é o que vamos receber, os cachorros falam com os olhos e muitas vezes sabemos que eles não estão bem apenas olhando pra eles. Os cachorros sentem dor, tem medo, ficam aflitos, ansiosos, percebem o nosso estado emocional e conseguem ficar neutros quando necessário. Eles também podem ser violentos e nos dominar se não os educarmos, é como uma criança e esses ensinamentos começam desde cedo. Infelizmente hoje existem muitos cães que são abandonados pelas famílias e geralmente esses animais se tornam agressivos e medrosos, essa realidade dolorosa tem se tornado  constante nas grandes cidades.Parece impossível acreditar que uma pessoa de um dia para o outro desiste de ficar com seu cachorro e apenas o deixa na rua quando na verdade poderia tentar arrumar um outro lar.Os cachorros sabem de tudo, eles tem uma capacidade de percepção muito alta, podemos notar isso facilmente, basta ficarmos doentes ou tristes, de repente você não está mais sozinho, o seu amigo está do seu lado para lhe trazer força, aconchego e muito amor.
Os cães podem e devem ser educados, eles aprendem tudo e obedecem a comandos, também são extremamente inteligentes e conseguem nos tapear se for preciso. Cada raça tem suas características próprias e o mais importante é escolher um cachorro que tenha essas características apropriadas para você, alguns cães são muito companheiros e ficam grudados sempre querendo atenção e carinho, outros já gostam mais de ficar mais quietinhos e no canto deles, outros precisam ser estimulados e gastar muita energia, brincar, correr, e se exercitar, geralmente os de grande porte são ideais para pessoas que gostam de se exercitar, caminhar, correr.Os cães menores são ideais para apartamentos e para pessoas idosas, inclusive esse grupo de pessoas com mais idade ter um animal de estimação no caso um cachorro é muito legal, pois eles nunca ficarão sozinhos e poderão se sentir úteis e se ocupar no cuidado com o cachorro, é uma terapia, a palavra “solidão” não existe quando se tem um cachorro.
É comum assistirmos programas de televisão em que os cachorros são os grandes artistas, outro dia mesmo andando no metrô me deparei com uma cena emocionante, uma moça cega estava com o seu cão guia , fiquei tão grata por ver aquilo, o cachorro muito compenetrado e a sua dona segura e confiante, cada vez mais essa situação tem sido comum em locais públicos, esses cachorros são treinados para serem os olhos desses deficientes visuais, é magnífico e emocionante, inclusive é bom mencionar que não devemos distrair esses cães com carinho e brincadeiras, pois nesse momento ele está preocupado em cuidar da sua dona, sempre é bom perguntar primeiro se podemos distrair o cachorro, pois isso pode prejudicar o trabalho dele.
Eu tenho dois cachorros, o Mike e o Paul, são da raça Bichon Frisé, eles parecem duas bolas peludas, são muito carinhosos e brincalhões e adoram conhecer gente nova. É um grande privilégio conviver com eles, digo sempre que me tornei uma pessoa melhor depois que tive os dois. Eles necessitam de cuidados como uma criança e não pediram para vir para a minha casa por isso a minha responsabilidade é muito maior, eu escolhi, eu comprei, eu vou cuidar até o fim, esse deve ser o pensamento mais importante quando se tem um cachorro, afinal não jogamos os nossos filhos na rua quando não queremos mais.
Pense bem antes de comprar ou adotar um cachorrinho, pode ser um filhote ou um cachorro maior, nesse caso inclusive a responsabilidade fica maior ainda, pois cães abandonados ou que já tiveram experiências ruins são tristes, medrosos e muitas vezes não gostam de gente, por isso o dono precisa de orientação para conseguir mudar essa realidade, com muito amor, confiança e disposição o sucesso é garantido.
Ter um cachorro não é só diversão, eles precisam de banho semanal, uma boa ração, higiene bucal, vacinas, tosa, medicamentos e exames  quando necessário, consulta médica veterinária  e isso tudo não será barato, por isso a importância de pensar muito antes de adquirir um cachorro.
Muito cuidado também quando você for comprar um cachorro, certifique-se de que é um bom lugar, seja um canil ou no caso de adoção se o cachorro não foi roubado de alguém e está sendo passado pra frente, acredite isso existe, assim como muitas pessoas sem escrúpulos modificam as características dos cães para que se pareça com os de outra raça, cortam os rabos, as orelhas e pintam os pelos para enganar os compradores.
Existem no Brasil canis sérios que fazem um trabalho importante e se preocupam com a qualidade dos cruzamentos, isso nos dá segurança para comprar um cachorro com pedigree, o que significa que ele tem um histórico de saúde e qualidade. Muitas vezes cachorros cruzados sem cuidado nascem com características diferentes da raça e isso é muito ruim.
Os cachorros machos tem cuidados diferentes das fêmeas e a castração deve ser decidida e orientada pelo veterinário, procure um bom profissional para fazer isso.
O mais importante é ter um cachorro que possa lhe trazer alegria, eles tem essa capacidade de nos tornar pessoas melhores e mais amorosas.
Hoje em dia muitas ONGS engajadas em cuidar e encontrar lares para cachorros abandonados e se esse for o seu objetivo procure saber como contribuir ou ajudar.
A prefeitura de São Paulo tem uma pagina no site direcionado para a proteção dos animais em geral, eles recolhem animais com maus tratos, vacinam, encaminham para adoção etc.
Tenha sempre em mente que qualquer animal de estimação, cães, gatos, passarinhos e outros,  precisam de cuidados e atenção e se identificamos  alguma situação em que esses animais são colocados em risco você devemos denunciar.Nunca deixe um animal ser ameaçado e maltratado, somos todos responsáveis.
No mais,  ter um animal de estimação significa conhecer como ser amado sem ter que dar muita coisa em troca, não será necessário comprar presentes, basta doar um pouquinho do seu tempo para eles, eu garanto que você terá uma grande e agradável surpresa.
*Para a compra do Bichon Frisé recomendo o Canil Happy Friends, é só falar com a Ruth Santos que é a proprietária do canil, uma excelente profissional que verdadeiramente ama o que faz e tem total responsabilidade e compromisso com a qualidade raça.
 Depois de tudo isso não é a toa que o cachorro é considerado o melhor amigo do homem, nunca teremos um amigo tão fiel , amoroso  e disponível como eles.
Ame os animais, eles podem nos ensinar muito!
Um abraço
Andréa.

Comentários

Postagens mais visitadas